7 Passeios bate e volta saindo de Belo Horizonte

Você sabe o que é uma viagem bate e volta? É uma viagem rápida, muitas vezes não planejada e para um local próximo. Nessas viagens, a duração é de um dia, no máximo dois.

Belo Horizonte é uma cidade riquíssima e bastante procurada pela sua culinária.

Atualmente a noite Belo Horizontina tem chamado muita atenção, pois os bares e restaurantes também tem chamado um grande número de turistas.

Para ver um pouco das baladas de Belo Horizonte baixe o aplicativo onde você pode ver baladas ao vivo com câmera 360 graus.

Voltando ao assunto de cidades ao redor de BH, Minas também abriga outras cidades incrivelmente bonitas e importantes para a história e turismo do Estado.

Esse artigo irá te mostrar alguns lugares próximos a BH para que você possa visitar em uma viagem bate e volta.

  1. Ouro Preto

ouro-preto

A cidade de Ouro Preto está situada a uma distância de 98 km de Belo Horizonte, é uma das mais conhecidas cidades de Minas Gerais porque antigamente era a capital do estado.

Ouro Preto é um verdadeiro museu a céu aberto e conta com uma riquíssima arquitetura barroca. A cidade também abriga o Museu do Aleijadinho que contém inúmeras obras do escultor.

O nome da cidade vem do ouro escuro, coberto por óxido de ferro, que ainda é encontrado na cidade e foi um dos itens mais explorados ao longo dos anos em nosso país.

Pela proximidade a BH, a cidade é ideal para um bate e volta.

Durante o seu dia em Ouro Preto conheça o Centro Histórico e se encante com sua arquitetura barroca e suas ruas de pedra.

  1. Diamantina

diamantina

A cidade de Diamantina é o berço do importante presidente da República, responsável por criar a capital Brasília: Juscelino Kubitschek. A cidade foi tombada, em 1938, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e a UNESCO a tornou Patrimônio Histórico da Humanidade em 1999.

A cidade fica localizada a uma distância de 290 km de Belo Horizonte e atrai inúmeros visitantes todos os anos pelo seu cenário cinematográfico e pelos produtos típicos vendidos. Ainda conta com movimentos culturais o ano todo, como o carnaval de rua, a Festa do Padroeiro Santo Antônio e a Semana Santa.

Além de sua arquitetura belíssima, Diamantina oferece diversas atrações naturais como as inúmeras cachoeiras encontradas nas serras e montanhas.

As construções coloniais mais antigas de Diamantina são: o Chafariz do Rosário, a famosa Igreja Nossa Senhora do Bonfim dos Militares e a Casa da Chica da Silva.

Para aproveitar bem Diamantina, o ideal é que sua viagem bate e volta seja de dois dias.

 

  1. Brumadinho

inhotim

A cidade de Brumadinho está localizada apenas a 63 km de BH e ficou mundialmente conhecida após o rompimento da barragem no início de 2019. Infelizmente, esse acidente entrou para a lista dos maiores desastres com rejeitos naturais do país.

É importante saber que a cidade de Brumadinho é muito importante para o estado de Minas Gerais, é lá que está o Instituto Inhotim, o maior museu de arte contemporânea do Brasil e o maior museu a céu aberto da América Latina.

Com a tragédia da barragem no início de 2019 não houve danos na estrutura, pois aconteceu a 15 km de distância. O museu é o maior ponto turístico da cidade.

Vale muito a pena visitar Brumadinho em uma viagem bate e volta. Com certeza, o principal ponto turístico é o Instituto Inhotim e é possível conhecer os principais pontos da cidade em apenas um dia.

  1. Sete Lagoas

sete lagoas mg

A cidade de Sete Lagoas está situada a 72 km de Belo Horizonte e sua principal atração é, sem dúvidas, a Gruta Rei do Mato que é a segunda que mais recebe turistas em todo o estado.

Sete Lagoas também é conhecida como a “Terra das Lagoas Encantadas”.

Fundada no período conhecido como a Febre do Ouro, Sete Lagoas começou a ser ocupada por volta de 1667 por Bandeirantes europeus integrantes da Bandeira de Fernão Dias.

A cidade também é ideal para o seu bate e volta. Um dia é suficiente para conhecê-la, porém se gosta de turismo ecológico e quer aproveitar bastante o seu passeio, fique dois dias e explore a Gruta Rei do Mato.

  1. Serra do Cipó

serra do cipo

A região está localizada a 100 km de BH e conta com um Parque Nacional que abriga diversas cachoeiras, trilhas e grutas. A serra do Cipó é a divisão das bacias hidrográficas dos rios São Francisco e Doce.

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade é o responsável pela preservação e conservação do parque.

O aconselhado é que a sua viagem de bate e volta tenha a duração dois dias para que você possa conhecer os pontos de principal interesse da região.

  1. Mariana

mariana mg

Mariana fica a 110 km de BH e sua economia é baseada no turismo e extração de minério. Mariana foi a primeira vila, cidade e capital de Minas Gerais, pois era a maior produtora de ouro para o Império Português.

A cidade possui uma riqueza natural surpreendente, com grutas, cachoeiras e minas. Além do famoso Centro Histórico que abriga boa parte da história mineira e do Brasil.

O rompimento da barragem que ocorreu em 2015, também foi um dos maiores desastres naturais do país e atrapalhou bastante o turismo na região, que desde então tenta se erguer.

Dois dias são o ideal para aproveitar a cidade e conhecer os principais pontos de turismo. O acidente não prejudicou o acesso aos pontos turísticos.

 

Conselheiro Lafaiete

conselheiro-lafaiete-mg

A cidade de Conselheiro Lafaiete fica a 96 km de BH e teve sua origem no início da exploração de ouro de Minas Gerais, anteriormente a região era habitada pelos índios Carijós e foi um grande ponto de apoio para os bandeirantes.

Os principais pontos turísticos são: A Igreja de Nossa Senhora da Conceição, o Museu Ferroviário e a Praça do Cristo.

Um dia é o ideal para aproveitar a sua viagem bate e volta à cidade de Conselheiro Lafaiete.

São muitos destinos encantadores em Minas, programe-se para conhecer o máximo que puder. Apesar de serem do mesmo estado, cada cidade oferece uma experiência completamente diferente.

Tem a capital,  Belo Horizonte a cidade dos bares de Rock, e que tem também baladas para todos os estilos músicais.

E opções de turismo muito variadas para quem gosta de: Aventura, Gastronomia, História e muita cultura.

Você será muito bem acolhido em qualquer uma que visitar, pois o povo mineiro é muito receptivo e caloroso. Encante-se e apaixone-se por Minas Gerais.